Filmes: eles te pegam pelo "Estômago" e Eu Sou o Amor



Eu estava tentanto lembrar de um filme que falasse de comida. Aí lembrei de "Estômago", um filme de 2007. Não é difícil encontar filmes com  esse enredo. Mas, é que eu queria um filme brasileiro, que falasse de comida italiana e que abordasse, ainda, poder e sexo. Já perceberam que quando queremos lembrar de algo, parece que tudo foge da cabeça. Ainda bem que podemos googlar!

Mas vamos ao filme. 

Sinopse: 
Raimundo Nonato (João Miguel) foi para a cidade grande na esperança de ter uma vida melhor(isso é bem batido, mas sensibiliza). Descobre que tem talentos culinários, conhece a cozinha italiana e a prostitua Iria(Fabiula Nascimento), que adora comer. Trabalha, é preso. Lá, seus dotes culinários fazem com que seu espaço cresça cada vez mais. 

O destaque do filme fica por conta da boa cozinha italiana, que serve de pretexto e motor à alteração do destino da personagem e, portanto, a comida é o âmago do próprio enredo. É neste ponto que queria chagar e fazer uma ligação com outro filme, o italiano "Eu Sou o Amor"(2010), que conta com o mesmo enredo: poder, sexo/amor e comida. A boa comida italiana. Os dois filmes valem pelo enrendo, em tempos de friozinho!!

Fonte: Arte cinema

Imagem: Google

0 comentários:

Postar um comentário