Resenha | O Álbum | Timothy Lewis | Novo Conceito


O Álbum

Timothy Lewis

Título Original:Forever Friday
Editora: Novo Conceito
Número de Páginas: 237
Ano: 2015
Avaliação: ★★★
Livro cedido em parceria com a NC
Sinopse: Para Adam, negociante de objetos usados, a casa de Gabe Alexander é apenas uma propriedade que será esvaziada e vendida pelo maior lance. Entretanto, em meio às prateleiras repletas de relíquias, um álbum antigo atrai sua atenção. Nele há cartões-postais amarelados pelo tempo, escritos ao longo de 60 anos. Intrigado, Adam começa a lê-los: eles estão cheios de frases românticas e delicadas, as provas do amor incondicional entre Gabe e Pearl Alexander. Gabe cuidava para que um cartão chegasse às mãos de Pearl todas as sextas-feiras. Cada um deles possui não apenas um poema, mas verdades preciosas sobre o cotidiano de um casal que viveu um sonho. A soma de todas essas verdades talvez responda perguntas que Adam se faz há muito tempo.
O Álbum é um livro sobre amor, mas é também sobre esperança e fé. A narrativa é focada em quatro personagens: Gabe e Huck e Adam e Yevette. Sendo que o primeiro casal tem mais destaque, pois de certa forma, é o amor dos dois é que irá inspirar a história de Adam Alexanders e Yevette Alexanders.

A história inicia quando Adam Colby, um vendedor de pertence de famílias (um tipo de brechó), encontra um álbum com cartões-postais, com poemas de Gabi dedica à esposa Huck. Adam é um homem com quase 40 anos que ainda está sofrendo por causa do divórcio, depois de uma casamento de 12 anos.

Ao longo dos anos de um casamento, sessenta anos, Gabi enviou vários cartões-postais a Huck, todas as sexta-feira com poemas apaixonados. Intrigado com essa forma de demonstrar amor e, principalmente, querendo saber a fórmula que o casal desenvolveu para viver uma longa vida juntos e apaixonados, Adam decide que precisa descobrir mais informações sobre a vida do casal Alexanders.

Como Adam não consegue juntar as peças que faltam da história de amor entre Gabi e Huck, ele procura Yevette, à filha da empregada do Alexanders. É Yevette quem conta os detalhes sobre o amor de Gabi e Huck.

Gabi e Huck se apaixonaram à primeira vista. O casal viveu uma vida de amor, mas houve problemas: ciúmes, inseguranças, egoísmo. O que era de se imaginar. Huck sempre foi uma mulher de muita fé. Ela acredita em alma gêmea e em anjo da guarda. Isso foi fundamental para os dois superarem os desafios do casamento. As questões religiosas, de fé são pontuadas na narrativa de uma forma muito sutil.

Timothy Lewis construiu a narrativa de O Álbum, intercalando o passado da vida do casal Gabi e Huck e o presente da vida de Adam e Yevettte. O passado inicia em 1926, ano que inicia o namoro do casal Gabi e Huck, e vai até 2004, com a morte de Huck. Já o presente, data do ano de 2006.

Como eu disse anteriormente, a história de amor de Gabi e Huck é como se fosse o anjo da guarda, um guia, uma inspiração para o nascer da relação entre Adam e Yevette. Adam estava sem esperança e não tinha mais fé no amor. Ele estava ainda muito machucado por causa do divorcio. Yevette, apesar da narrativa não focar muito em sua vida, percebemos que ela também não tinha esperanças de encontra sua alma gêmea.


O Álbum não é uma história de amor arrebatadora, mas cumpre seu papel, principalmente, por nos dar esperança de que o amor existe. Mas é bom ressaltar de que não há formula secreta. Cada um vai ter que encontrar o caminho da própria jornada. 

Destaque para a diagramação, com a ilustração de cartões-postais com poemas no inicio de cada capítulo. E os poemas se relacionam com a narrativa.  

0 comentários:

Postar um comentário