Resenha || Da Ordem ao Caos | Elizabeth Laban | Farol Literário


Da Ordem ao Caos

Elizabeth Laban 

Gênero: YA
Editora: Farol Literário
Número de Páginas: 320
Edição: 2015
Avaliação: ★★★★★
* Livro cedido em parceria com a editora
Sinopse: Duncan é o aluno terceiranista do Colégio Irving que ficou justo no quarto do ex-aluno albino da escola, Tim – o garoto que se envolveu em um episódio obscuro para o qual havia muitas perguntas e poucas respostas. Ao entrar em seu novo quarto, Duncan encontra uma pilha de CDs que o ex-aluno lhe deixou com revelações do passado nebuloso e que o levará para uma jornada em seus próprios conflitos, fazendo diversas relações com o tradicional trabalho de conclusão do ensino médio do colégio, o ensaio sobre a tragédia.

Olá leitores, como estão? A resenha de hoje é do livro Da Ordem ao Caos da Elizabeth Laban. Esse foi o primeiro romance da autora e ela resolveu fazer diferente, apesar de o livro parecer bem clichê. Mas só parece, certo?

Quanto mencionei a expressão “fazer diferente” me referi a fatos que não são tão comuns em livros que fazem a linha infantojuvenil ou Young adult. Elizabeth aborda o triangulo amoroso e também o preconceito contra pessoas que nasceram com a doença hereditária albinismo.

Então vamos lá, os personagens principais da obra são:

Duncan – estudante do colégio Irving, ele é não é o garoto mais popular da escola. É apaixonado por Dayse e leva consigo a culpa por um acontecimento ocorrido no ano anterior na escola. O personagem tem pouco destaque na narrativa e digamos que ele existe para que conheçamos o jovem albino Tim...

Tim – também estudante no mesmo colégio de Duncan, Tim nem lembra a última vez que conseguiu passar despercebido sem chamar a atenção das pessoas. Além dos olhares e piadas de mau gosto, ele também não aceita a sua aparência e ironiza sua própria vida.

Vanessa – a garota loira e linda que não poderia faltar no romance pra encantar os rapazes. Além de bonita, ela é autêntica e cheia de atitude. Ela também estuda no colégio Irving e foi a única pessoa a ver Tim como ele era sem ligar para o fato dele ser albino.

Antes de qualquer coisa, vamos conhecer o ambiente em que a narrativa acontece:

O colégio Irving é uma espécie de colégio interno, por lá existe uma tradição: todos os anos os terceiranistas (alunos que estão matriculados no terceiro ano do ensino médio) recebem um tesouro deixado no quarto pelo terceiranista que morou lá no ano anterior.

Agora Duncan é terceiranista. Depois de pedir, em vão, que não ficasse com o pior quarto da ala masculina ele aceitou o que o destino reservou pra ele: ficar com o antigo quarto do garoto albino. De cara ele encontrou seu tesouro: uma pilha de CD’s e um bilhete explicando o conteúdo presente neles.

Os CD’s foram gravados por Tim contando alguns acontecimentos que levaram-no a uma tragédia, a qual Duncan conhecia muito bem.

“É importante que você saiba por que e como tudo aconteceu. Alguém precisa saber, alguém talvez possa aproveitar a informação para não cometer os mesmos erros que eu”.

A partir daí, Duncan começa a ouvir (desesperadamente) os CD’s e a conhecer melhor Tim e os seus traumas, suas alegrias e como ele conheceu Vanessa e, respectivamente, se encrencou com o namorado dela, Patrick.

E é ai que o triângulo amoroso acontece entre Tim, Vanessa e Patrick. Confesso que em vários momentos eu odiei a Vanessa por que preferia que ela ficasse com Tim, e ela simplesmente não queria abrir mão de nenhum dos rapazes. P.S.: Patrick era um babaca!

Toda a narrativa de Tim vai se afunilando até que ele conta sobre o acontecimento trágico que envolveu ele, Duncan e Vanessa - e que Duncan só conhecia pela versão que se lembrava. Além da possibilidade de conhecer toda a verdade sobre o acontecido, Duncan também tem a chance de fazer o seu ensaio sobre a tragédia, uma espécie de trabalho de conclusão do ensino médio.  
"Havia tantas coisas que ele precisava descobrir e fazer ali em sua própria realidade, mas era mais fácil apertar o play, deitar-se ali na cama, coberta pelos lençóis de flanela vermelha que, na semana anterior, cobriam sua cama em casa, e escutar".  
O livro deixa a gente louca pra saber que tragédia foi essa e o quê aconteceu com Tim. O final é bem tenso para Tim. Duncan, após ouvir a história do garoto albino tem a chance de corrigir suas atitudes dali em diante, e tentar seguir em frente.

E quando eu disse lá no início que o Duncan só aparece para que conheçamos Tim, essa foi a minha impressão, já que a maioria dos capítulos foram dedicados a história de Tim.

Mas, enfim... Esse livro me fez suspirar, não sei se de tristeza ou de alívio por no fim tudo ter voltado à ordem, ou será que ainda era o caos?  Leitura indicada pra quem gosta de YA, de romance, de triangulo amoroso e de tragédia, tudo junto e misturado. 


0 comentários:

Postar um comentário