Resenha || A Garota do Calendário #4 - Abril | Audrey Carlan | Verus


A Garota do Calendário - Abril Abril - A Garota do Calendário #4

Audrey Carlan

Título original: Calendar Girl - April
Gênero: Romance, Hot
Editora: Verus
Número de Páginas: 160
Edição: 2016
Avaliação: ★★★
Sinopse: Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... O cliente de abril é o astro do beisebol Mason Murphy, de Boston, que precisa de Mia a seu lado para melhorar sua imagem com os patrocinadores. Mason não está acostumado a ouvir “não” de mulher alguma, e Mia vai representar o desafio supremo para ele.
*Leitura recomendada para maiores de 18 anos

Resenhas dos volumes anteriores: 
A Garota do Calendário #1 - Janeiro
A Garota do Calendário #2 - Fevereiro
A Garota do Calendário #3 - Março

Depois de um mês maravilhoso repleto de novas amizades e descobertas com Anthony Fasano, agora Mia Sauders desembarca em Boston para ficar um mês com Mason Murphy, um astro do beisebol em ascensão que precisa de uma namorada de mentira para "limpar" sua imagem na mídia. E a imagem do Mason não é das melhores; bebidas, noitadas e confusões mancham a ficha do rapaz, que é tão bonito quanto infantil.

Assim que conhece seu novo cliente Mia sabe que terá muito trabalho a fazer. Além disso, terá que ajudar Mason e Rachel, sua assistente, a enfim abrirem os olhos e o coração para o sentimento que insistem em esconder. A cupido Mia está na área. Mas quem irá ajudá-la com os próprios dilemas?


"Elas faziam compras juntas. Credo. Isso não era algo que Gin e eu fazíamos juntas. Tomar cerveja, paquerar, apostar, jogar cartas, ir a shows, sim. Fazer compras... humm... não."
Esse se mostra um mês extremamente divertido para nossa protagonista, que aproveita cada momento de diversão, jogos e novos amigos. Além disso ela reencontra um personagem muito amado; alguém adivinha quem é? E quando ele chega, as coisas ficam... quentes.

Para quem acha que a Mia irá se envolver fisicamente com todos os seus clientes está muito enganado, e a autora já fugiu dessa "receita" duas vocês, só não posso dizer em que outro volume isso também aconteceu. Temos cenas sensuais? Sim, mas bem poucas. E são muito bem desenvolvidas.

Esse foi mais um volume divertido e despretensioso de uma série que é um verdadeiro sucesso de vendas. Lembrando que é um livro hot, e a autora usa e abusa de uma linguagem mais sacana. Ah, a Mia não é uma garota de programa, por mais que seja difícil colocar isso na cabeça de algumas pessoas. Ela é uma acompanhante de luxo, adulta, que faz de tudo para manter sua família à salvo, mas também se diverte e explora sua sexualidade.

Lerei o volume de Maio em breve, aguardem resenha!  :D

0 comentários:

Postar um comentário