Resenha || Tronos & ossos: jornada no gelo | Lou Anders


Tronos & Ossos: Jornada no gelo

Lou Anders

Título original: Frostbonr: Thronrs & Bones
Gênero: Fantasia
Editora: Jangada
Número de Páginas: 344
Edição: 2016
Avaliação: ★★★★
* Livro cedido em parceria com a editora
Sinopse: Trolls fedidos, zumbis ameaçadores e um dragão cuspidor de fogo não são páreo para Karn e Thianna, dois heróis cheios de coragem e inteligência. Karn vive em uma terra fantástica em outro universo, mas com uma cultura semelhante à viking, e é um gamer compulsivo. Thianna é fera em esportes violentos, e mora na terra dos gigantes, porém é metade humana e metade gigante. Os dois se conhecem em um posto de comércio que acontece anualmente no acampamento dos Gigantes. Quando intrigas de família obrigam Karn e Thianna a fugirem, os dois voltam a se encontrar e agora passam a enfrentar situações apavorantes e percebem que precisam unir forças para vencer seus inimigos e desvendar segredos e traições que podem mudar suas vidas para sempre.
Tronos e ossos: jornada no gelo é uma fantasia juvenil que cumpre o que promete, claro, levando em consideração o seu publico alvo: um leitor jovem que está iniciando no gênero fantástico. Já para o leitor mais experiente, talvez essa narrativa não se mostre tão original. 

Tronos e ossos: Jornada no gelo traz os protagonistas Thianna e Karn, ambos com 12 anos. Thianna é meio gigante e meio humana, vive nas montanhas geladas do Norte, em Ymiria.  Não é bem aceita por todos os gigantes da aldeia, por mais que ela tente provar que é uma legítima gigante.

Karn também mora no Norte, em Norrongard, região baixa. Por ser o filho mais velho, seu destino é ser fazendeiro, assim como seu pai é, e com seu avô foi e todos os filhos mais velhos antes destes. Mas o problema é que Karn sonha com um mundo além das fronteiras da fazenda. Ele não está interessado em aprender como se administrar da fazenda (Ele não tem talento. Ou pelo menos ele acha que não tem), mas é um exímio jogar de Tronos & Ossos.

Ori é o tio, irmão gêmeo do pai de Karn. Por ter nascido um pouco depois, não teve o direito de ficar com a fazenda. Ele terá que iniciar sua própria fazenda.

Os inimigos do Karn e Thiannal, levados pela sede de poder, pela inveja e cubica, tramam contra eles. O mundo os dois personagens se cruza, e eles passam por perigos. Enfrentam dragões, mortos-vivos. Eles precisam ser fortes, corajosos e, principalmente, inteligentes, para salvar suas vidas e daqueles que amam. Karn é cérebro. Thianna é força. Os dois formam uma dupla afinada e divertida. 

O livro tem a narrativa é simples, com o narrador em terceira pessoa. Não há grandes complexidade na trama. Os dois heróis são levados a uma jornada por motivos diferentes, mas com uma conexão: a  sede de poder dos inimigos. A jornada de Thianna tem relação com sua origem humana. A jornada de Karn tem relação com o seu futuro, seu destino. Além disso, os dois precisam descobrir quem são. 

O destaque do livro são os protagonistas, que são simpáticos, inteligentes, com senso de humor e com uma grande afinidade. A ambientação é verossímil. Um mundo com trolls, anões, dragões, wyvens, mortos-vivos. O leitor consegue visualizar esse mundo mesmo não tendo descrições minuciosa. E realmente não há descrições detalhadas. Isso é um ponto positivo.

Tronos e ossos: Jornada no gelo é primeiro livro da trilogia Tronos & Ossos. A edição simples, mas bonita. Com mapa, glossário e regra do jogo tronos & ossos.  Se você é do tipo que não gosta de iniciar uma trilogias antes de todos os livros serem lançados, não se preocupe, o segundo livro acaba de ser publicado pela Jangada.

Título: Enigma do chifre (o) - Tronos e ossos
Autor(es): Lou Anders 
Assunto: Ficção Juvenil
Edição: 1ª Edição 2017
Número de Páginas: 376
Depois de atravessar florestas e desertos gelados para salvar Thianna, Karn precisará viajar montado num réptil voador até Castelurze, aprender a jogar um novo jogo chamado Aurigas, decifrar o Enigma do Chifre e enfrentar misteriosos elfos. Todos estão atrás do Chifre de Osius, um antigo artefato com poder suficiente para mudar o mundo. Mas com facções rivais de elfos, anões rebeldes, exércitos em guerra e mantícoras devoradoras de gente no caminho, Karn não sabe em quem confiar. Até onde ele será capaz de ir em nome da amizade? A solução deste enigma pode ser fatal.

0 comentários:

Postar um comentário